Archive for dezembro \12\+01:00 2008

::E a honra continua…::

12/12/2008

Agora foi a vez da minha amiga virtual de anos a fio me apoiar no projeto de divulgar o lançamento do meu livro “Mineirinha n’Alemanha” no Roccana.

Obrigadíssima, Ana!

::Dica pra viagem na Europa::

12/12/2008

Uma leitora me perguntou dicas de como planejar uma viagem aqui na Europa. Depois de dar uma pesquisada básica, descobri uma página que me parece bastante flexível para procurar vôos baratos: Megaflieger. O problema é que ela é só em alemão, o ponto positivo é que ela lista todas as opções de voar barato por aqui (que são inúmeras!). Mas como não conheço a página e não sei se é confiável, depois de verificar a melhor opção eu aconselharia ir direto no site da cia. aérea e efetuar a compra por lá mesmo. Isso eu já fiz algumas vezes e sei que dá super certo, os sites são confiáveis e o procedimento é relativamnte simples. Os sites normalmente são feitos em vários idiomas, o que facilita também.

Pra quem estiver com mais tempo, eu sugiro viajar de trem mesmo, pois pode-se aproveitar de paisagens maravilhosas e o efeito descanso é mil vezes maior do que o estresse das rodovias de alta velocidade, pelo menos aqui na Alemanha, ou do de voar pela Europa e ter a oportunidade de ver pouca coisa de perto.

Para achar boas ofertas de hotel, eu já usei os serviços da página www.booking.com (também em português!) e fiquei super satisfeita. Consegui em Amsterdã um hotel de 4 estrelas pelo preço de um albergue da juventude!

Então bons planejamentos…. e boa viagem! Quem tiver mais dicas, pode deixar nos comentários. Outros leitores agradecem!

::Apoio da égua rosa::

12/12/2008

Eba, mais um blog apoiando o lançamento do livro “Mineirinha, n’Alemanha”, o Égua da Pequena! Obrigadão, Ciça! Ano que vem teremos então um projeto em comum? 😉

:: :-) ::

12/12/2008

Saiu mais uma propaganda do livro “Mineirinha n’Alemanha”, também desta vez temperada com muuuuuuuuito carinho, no blog “Liza Delirantemente Feliz”. Obrigadíssima pelo apoio, Liza! Seu livro já está reservado!

::Susto do dia::

07/12/2008

Ufa!… Passei por uma provação que só quem é mãe entende… Fomos passear hoje no Mercado de Natal e eu estava levando o Daniel o tempo todo na mão: o local onde estava sendo realizado o mercado estava absolutamente lotado. Em um determinado momento o Daniel subiu em um palanque, que estava vazio, e eu fui atrás dele. De lá ele pulou rapidamente de novo para o chão, novamente numa altura parecida com a do acidente há poucos meses atrás – e só aí meu coração já tinha ficado na mão. Ele chegou ao chão firme, se levantou e saiu correndo… no meio do multidão…. Fui logo atrás dele, mas cadê o Daniel? Sumiu! Procura daqui, procura dali, eu correndo pra lá e pra cá feito uma barata tonta, perguntando pra todo mundo se tinham visto um menino assim/assado e meus pensamentos indo a mil (constatação: “já vi esse filme antes”; ponderação: “fica calma”; punição: “você não é boa mãe, como pode deixar o menino sumir assim?”; medo: “meu Deus, e se ele sumir e eu não o achar mais?”…). Depois de intermináveis minutos ele reapareceu, sendo trazido por outra mãe, o anjinho do meu dia. Ele estava chorando e parecia ter entendido o que tinha feito de errado. Ao abraçá-lo, percebi que seu coração estava a mil da mesma forma do meu. Talvez desta vez ele teve a lição que precisava. Pelo menos com a Taísa funcionou, uma vez ela sumiu assim também, do nada, e depois nunca mais isso aconteceu. Que assim seja!

::Mais divulgação do livro da Mineirinha::

07/12/2008

Uau! A divulgação do meu livro está em destaque na página principal do Portal Etur, um veículo online de interação dedicado aos acadêmicos e profissionais da área de turismo. A publicidade sobre o “Mineirinha n’Alemanha” será encaminhada para seus 36.000 associados no próximo boletim informativo.

::Cidadã do mundo::

06/12/2008

Desde a última Copa do Mundo aqui na Alemanha fui ainda mais infectada pela minha necessidade intrínseca de valorizar pessoas e culturas e lutar por menos preconceito e mais interação entre as pessoas. Dentro de mim bate um coração social que vê a diversidade como ponto positivo, que se alegra quando turbantes, negros, indianos, saris, trajes típicos, quimonos, línguas e pessoas se misturam como em um aeroporto ou em uma feira internacional. Desses fatos está surgindo o meu livro. Quero passar para as pessoas, principalmente os jovens de hoje, que serão os adultos de amanhã, que é bonito ser diferente e que ela deve se valorizar como é, deve manter sua auto-estima para, podendo se amar como é, amar também o outro como ele é, valorizando suas diferenças.

Meu objetivo: “A WORLD WITHOUT STRANGERS” (um mundo sem estranhos/estrangeiros).

::Pensando e lendo…::

06/12/2008

“Há uma parcela onde o indivíduo sozinho pode mudar e melhorar sua vida e esta só se dá através de um ato livre e totalmente solitário: a leitura.

Carmen Balcells

::Publicidade e lançamento do livro da Mineirinha::

06/12/2008

Nossa! Quanta honra e carinho! Mais um blog, desta vez o “Retratos e Relatos” está fazendo propaganda do meu livro, que deve estar com a “orelha vermelha” agora lá na gráfica, ouvindo falar dele! 🙂 Obrigadão, Maira!!! Adorei o “embarque nesse trem”, uai!

Anotem – o lançamento do livro já está marcado:

Local: Bar Inusitado, Rua Cristina, 1256 (esquina com Leopoldina) – Santo Antônio – Belo Horizonte – MG

Data: 23/12/2008, terça-feira

Horário: a partir de 19:00 horas

Em breve ponho aqui o convite oficial junto de uma promoção bastante inusitada! Aguardem!!!

::Inspirada::

05/12/2008

Inspirada pela Carla, me lembrei de tanta música mineira perdida na minha imaginação. Depois de uma pequena pesquisa, descobri que os anos passaram também para o Paulinho Pedra Azul, que continua com a mesma voz linda, potente e segura, e agora dono de uma bela cabeça com cachinhos grisalhos. Que saudades! Eu fui a vários, incontáveis sábados junto com meu irmão, passando várias horas em ônibus para chegar no alto da Afonso Pena (mais exatamente no Parque das Mangabeiras) e assistir a shows gratuitos de artistas mineiros. Ver o entardecer do alto das montanhas e ouvir música mineira… Naquela época, eu e o Alexandre, meu irmão, éramos exímios compradores de LPs, a maioria de música de Minas, que nós cuidadosamente escolhíamos e comprávamos a três prestações (sem juros!) numa lojinha da universidade, CETEC, se bem me lembro. Bons tempos aqueles! Quando ouço música dessa época, minha boca se põe a cantá-la como se a tivesse ouvido ontem pela última vez. Com vocês, Paulinho Pedro Azul:



%d blogueiros gostam disto: