::E como foi o evento em Munique?::

Foi “tudibom”! 😉
– Conheci pessoas fantásticas e ganhei novos amigos;
– Tive a oportunidade de ouvir uma música linda da cantora e compositora brasileira Valéria Dennin (que quero colocar aqui no blog amanhã);
– Conheci o Marcelo Vasconcelos, o consul brasileiro em Munique, e a Vera Fraeb, a vice-consul;
– Fiquei sabendo de novidades quanto ao próximo encontro no Brasil de Brasileiros no Exterior, cujos detalhes também pretendo noticiar amanhã;
– Comemos os salgadinhos super gostosos da Eva, tomamos guaraná e caipirinha e provei até do bolo super gostoso do aniversário do Ricardo, também comemorado naquela noite;
– Tive a oportunidade de ler alguns textos do livro, vendi e autografei livros e deixei o contato para novas encomendas (o livro tem sido muito presenteado para amigos). A melhor propaganda continua sendo a boca a boca!
– Por fim, revi o filme sobre o I Conferência de Brasileiros no Mundo realizado no ano passado, que realmente é muito interessante e vale a pena ser visto!

Agradeço imensamente à associação brasileira DBKV pelo convite e pela recepção calorosa e também à Casa do Brasil pela presença e auxílio na divulgação do evento, que foi um sucesso! Amanhã tem mais!

Anúncios

Tags: , , ,

13 Respostas to “::E como foi o evento em Munique?::”

  1. Eny Says:

    Querida!

    Não me surpreendi com o sucesso do encontro em Munique! Eu já sabia!
    Também não era para menos, já que vc é supercomunicativa.
    Beijos,
    Eny

  2. Paula Says:

    nossa, fiquei uns dias sem passar por aqui e me deparo com tanta noticia boa! Que legal, parabéns! Que continue assim comunicativa e com sucesso! Bjs

    • Sandra Santos Says:

      Ei Paula,
      Obrigada pelas palavras carinhosas.
      Vc chegou a ler sobre o texto dos estrangeiros em Hessen? Queria sua opiniao sobre ele também.
      Um beijo,
      Sandra

  3. Ciça Says:

    E quando vc vem pra essas bandas???

    • Sandra Santos Says:

      Assim que vc me convidar!… hehehehe 🙂 Mas falando sério, se eu tiver a oportunidade de organizar algum evento aí mais para o meio da Alemanha, eu te aviso em tempo, ok?
      Um beijo,
      Sandra

  4. ceci Says:

    Parabéns Mineirinha! Eu sempre apostei em você, você sabe né?! Bom, agora precisamos de um mega evento por aqui também! beijoes!

    • Sandra Santos Says:

      Obrigada, Ceci. Pois é, deveríamos mesmo organizar um evento pelas bandas do Bodensee. Será que poderíamos faze-lo junto do grupo de brasileiros de Friedrichshafen?
      Uma beijoca,
      Sandra

  5. Claudia Says:

    Sandra, que bom que sua ida a Munique foi o máximo! Uma pena nao termos nos visto, mas eu realmente estou tao atolada como há muito nao estava. Menina, mas voltando a história da Migrationshintergrund, eu tinha até lido aquele artigo do Wies-Ku, que saiu aqui no nosso jornalzinho regional também. Eu li esse jornal durante anos e acho ele bem regionalista e achei o artigo muito curto, apenas com o compromisso de informar sobre a coisa rapidamente, já que Wies é a capital do estado etc… Mas eu interpretei o texto do relatório de imigracao diferente de você, inclusive eles nao usam o termo “Migrant ohne Migrationshintergrund” mas sim “Migrant ohne Migrationserfahrung”. Para mim sao coisas distintas. Filho de imigrante tem uma razao de ser imigrante(através do pai, por ex.), mas nao tem a experiência de imigrante. Seria o caso dos brasileirinhos nascidos aqui. Aliás eu achei o texto meio mal redigido, pode ser? Dê uma olhada no link de uma estatística de Baden-Württenberg (http://www.statistik.baden-wuerttemberg.de/Pressemitt/Pressehefte/Migranten_in_BW.pdf), que me parece mais claro…

    • Sandra Santos Says:

      Ei querida,
      Vc viu o link que citei no post? Lá cita-se o “Migrationshintergrund”. Eu acho os objetivos do ministro do estado de Hessen muito bons e muito claros, muito positivos para os imigrantes, mas continuo achando que a mídia alema “carrega” muito no assunto, puxando para o lado negativo toda e qualquer vez em que noticiam sobre estrangeiros. Fica parecendo que só existem maus exemplos aqui, o que naturalmente nao é verdade. No caso da reportagem pelo menos gostei de terem noticiado as idéias do ministro, que sao realmente louváveis.
      Vou lá ler a estatística que vc me mandou! Um beijo e obrigada,
      Sandra

  6. Claudia Says:

    Mas continuando sobre as sugestoes que escrevemos na nossa workshop de Darmstadt. Uma delas (só do nosso grupo, pois desconheço o que os outros grupos sugeriram), seria a criaçao de uma lista de explicaçao de algumas dúvidas muito básicas de quem aporta aqui pela primeira vez, seria algo semelhante a um texto que publiquei no viver-na-alemanha, que chamei de 10 primeiros passos (http://viver-na-alemanha.de/index.php?option=com_content&task=view&id=32&Itemid=147). Dentre as coisas que julgamos importantes: o registro na prefeitura (Anmeldung), a taxa de TV e rádio, o seguro de saúde, o sistema escolar, a separaçao de lixo etc… Tudo escrito de forma simples e em diversas línguas, para esclarecer o que é necessário para se viver aqui. Sugerimos também um trabalho de conscientizaçao do povo alemao sobre o que é ser imigrante e como tratá-los. A integraçao definitivamente nao depende só dos imigrantes! Até agora nao saíram os artigos e nao tive notícia sobre a redaçao do documento que resultou do nosso evento. Assim que souber mais alguma coisa, aviso… Beijocas e excelente semana, Claudia

    • Sandra Santos Says:

      Ei Claudia,
      Obrigada por sua contribuicao. Há uns tempos tenho “matutado” sobre uma lista ou um guia para ajudar imigrantes na Alemanha…
      Beijos e queijos,
      Sandra

  7. Sheila A. Rizzato Ewert Says:

    Oi Sandra, mandei um comentário ontem, mas penso q deva ter acontecido algo na hora de mandar, pois nao foi publicado.

    Foi um prazer fazer o evento com você. Mais uma vez parabéns.

    Eu tenho um blog onde escrevo às vezes, q gostaria de colocar seu link lá, se vc nao se opuser.
    http://brogblega.zip.net/
    Visite o blog e diga se posso colocar o link do seu no meu 🙂
    Beijos
    Sheila

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: