Archive for fevereiro \20\UTC 2011

::Fotos maravilhosas do sul da Alemanha::

20/02/2011

Veja aqui, dentre outros, fotos lindas e vídeos em 360° do sul da Alemanha! Imperdível!!!

Anúncios

::Bülent Ceylan: Der Migrutant::

19/02/2011

::Bilinguismo e dificuldade na fala::

15/02/2011

Aqui na Alemanha defende-se a ideia de que se o casal for binacional cada um deveria falar seu idioma pátrio com o filho. Em muitos casos, o filho acostuma-se a falar em idiomas diferentes com pessoas diferentes. Em outros, como no meu, sempre falei português com meus filhos, mas eles sempre responderam em alemão.

A minha filha nunca teve problemas com a linguagem. Minha filha fala português (com sotaque) com a avó aqui, quando ela vem de visita, ou quando vamos ao Brasil. O meu filho, pelo contrário, tem problemas de linguagem há bastante tempo. Ele falou mais devagar, teve vários tiques (ligados ou não à linguagem), trocou várias letras e sons, chegou a falar muitas frases em português quando voltamos do Brasil (quase sem sotaque), já gaguejou mais e menos,  sendo que no momento ele está gaguejando muito e, para minha grande surpresa, ontem me pediu (em alemão, e repetiu em português) pra falar com ele só em alemão e para tirá-lo da aula de português, que tinha começado há 3 semanas atrás. Ele faz acompanhamento com fonoaudiólogo há 1 ano.

Li aqui (artigo em alemão) que o bilinguismo não é causa de problemas com a linguagem, mas se a criança é criada com dois idiomas e apresenta dificuldades na linguagem, a problemática tende a ser acentuada com o bilinguismo. Parece ser o problema do meu filho. O resumo do artigo quanto a como lidar com crianças com dificuldade na linguagem é que não deveríamos corrigir e pedir que repitam as frases e palavras corretamente, mas sim deveríamos repetir as palavras e frases corretamente dentro da conversa, tratando os erros naturalmente e dando atenção às crianças para que elas se sintam à vontade para continuar tentando e se desenvolvendo na sua velocidade própria.

Acho que cada caso é um caso e não se pode generalizar. Várias crianças em várias partes do mundo foram criadas com 2 ou mais idiomas. Algumas delas apresentam distúrbios na fala, o que não quer dizer que o bilinguismo seja, por si só, um problema. Muito pelo contrário: muitas crianças crescem falando 2, 3 ou mais idiomas ao mesmo tempo e muitas delas nao demonstram dificuldade nenhuma no desenvolvimento da linguagem.

Eu, da minha parte, espero poder voltar a falar em português com meu filho assim que ele estiver mais fluente no alemão e parar de gaguejar. Ele vai entrar pra escola em setembro e desejo muito que até lá que ele já esteja falando bem melhor.

Qual foi/é a experiência de vocês quanto ao bilinguismo e distúrbios na fala?

::O que é melhor na Alemanha?::

09/02/2011

Segundo o Dago e Cintia, leitores do livro da Mineirinha: cerveja, muros mais como objetos de decoração, a educação no trânsito, as poucas sacolas de plástico e os ônibus. Leia uma descrição muito bem humorada sobre algumas diferenças culturais entre o Brasil e a Alemanha aqui. Chamo a atenção para a observação muito válida de que aqui seguem-se as leis por ter-se medo (reserva pessoal) de transgredi-las, enquanto que no Brasil tendemos a gostar de transgredir as leis pelo gosto de um desafio. Note-se que esse gosto é trazido por todo brasileiro pra cá!

Detalhe: só o “header” (a figura no alto do blog) do site deles e as fotos lindas da filhota Anabella já valem a visita por lá! E se tiverem ficado curioso(a)s, leiam mais sobre o super projeto atual do Dago, para o qual ele aceita apoio de terceiros!


%d blogueiros gostam disto: