Anúncios

::Primaveras e Recomeços::

825

Sexta-feira passada, dia primeiro de março de 2019, foi um dia bastante significativo pra mim. Começou com o fato de que completei 26 anos de Alemanha, reduzi por vontade própria minha carga horária semanal no emprego, dia que coincidiu também com mudanças profissionais dentro da minha família. Foi meu primeiro dia livre dentro dessa nova proposta de vida, que eu prontamente preenchi com algumas coisas boas: visitei uma amiga alemã, fiz uma supervisão do meu curso de Psicoterapia e depois visitei de novo uma boa amiga brasileira, junto de dois outros brasileiros, e fizemos o que deveríamos fazer mais vezes, jogamos uma boa partida de buraco ou canastra.

Essas mudanças todas coincidem também com a mudança de estação, já que aqui na Alemanha a primavera está se propondo a dar seus primeiros passos, anunciada também pela despedida do inv(f)erno através das festividades do carnaval. Aqui na Alemanha carnaval signigica dar adeus ao inverno com fantasias horrendas, e queimar tudo o que lembre esse tempo escuro e frio. Prenúncio de boas-vindas à claridade, flores e o canto de mil e um passarinhos, que também temos que ajudar no nível individual tomando uma boa dose diária de vitamina D, porque sanidade mental é algo que todos precisamos.

Mas voltando à sexta passada, mal sabia eu que esse dia iria se tornar inesquecível pra mim. A visita à minha amiga alemã naquele dia tomou um rumo inesperado, e que tem ligação direta com esse blog, e com a minha vontade, já cultivada desde o começo do ano, de reativá-lo. Por acaso tinha achado um texto que tinha escrito aqui sobre ela, e nem o tinha relido todo, mas comentei com ela e me propus a relê-lo de frente pra ela, fazendo tradução simultânea no momento pro alemão, o que fiz quando a reencontrei. No meio do texto levantei meus olhos, e ela estava chorando. Comecei a chorar também e foi difícil chegar ao fim do texto. (que você pode ler, se clicar no link)… Desde então ela não se cansou de me agradecer, dizendo que precisava de um favor e de que eu traduzisse esse texto pra ela, pois ela o queria mandar para um amigo querido com quem brigou no momento, pra mostrar pra ele que ela não é a pessoa horrível que ele pensa que ela é. O fiz no dia seguinte, e muitas outras vezes ela não se cansou de me agradecer, dizendo até que não sabia se merecia tanto carinho da minha parte.

Isso me levou a pensar em quantas vezes achamos tantas coisas legais das pessoas que estão à nossa volta, e quantas poucas vezes paramos para externalizar esses sentimentos. Pensar que eu „a amo“ porque sim, a amo, e que a coisa está clara entre duas pessoas, muitas vezes é fonte de muito desentendimento e angústia. Por outro lado, quantas vezes „encaixotamos“ as pessoas em uma determinada gavetinha mental e não damos a ela a oportunidade de ser algo fora daquilo que esperamos que ela vai ser? Essas duas maneiras de viver podem ser prejudiciais para nós mesmos, tanto de uma maneira, quanto da outra. Eu como sempre „penso alto“ quando escrevo, então esse pensamento aqui vai pra mim e pra todos nós: gastemos mais tempo em verbalizar nosso amor pelas pessoas que nos são caras, e deixemos uma portinha ou pelo menos uma janelinha meio aberta para as pessoas com quem não nos entendemos tão bem tenham a chance de nos surpreender positivamente!

Daqui pra frente pretendo escrever com mais frequência por aqui, na realidade não é tão difícil, mas em tempos de decadência de blogs e da dominância do Facebook, é algo que caiu em desuso na minha rotina. Acontece que o Facebook tem estado muito venenoso, mesmo que eu faça um esforço tremendo pra selecionar o que quero ler e do que quero participar, e tudo o que ponho lá, não é meu, não posso reler quando me der na telha. Quero passar a voltar alimentar meu cantinho, meio que adubar, preparar a terra e começar a plantar aqui de novo. Feliz primavera pra todos nós, feliz recomeço!

“Deixe que a vida faça com você o que a primavera faz com as flores”. Pablo Neruda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: