Anúncios

Posts Tagged ‘jovem’

::Serviço voluntário no Brasil – um ano aprendendo e ajudando::

06/05/2015

Cheguei em casa hoje e tinha um pedido inusitado em uma carta, solicitando que eu divulgue o seguinte:

°°

Você tem dupla nacionalidade alemã-brasileira e quer aproveitar essa oportunidade para passar um ano no Brasil, vivendo novas experiências e aprimorando as suas capacidades interculturais? Também pode se candidatar para esta oportunidade se você tiver experiência anterior em serviço voluntário e puder apresentar comprovação por escrito do mesmo, ou se tiver terminado um curso profissionalizante e/ou um estudo (bacharelado, mestrado, etc.). A oportunidade está sendo oferecido pela associação sem fins lucrativos “Freude der Erziehungskunst Rudolf Steiners” em diferentes áreas pedagógicas e sociais.

Para maiores informações, Bartira Cabrera está à sua disposição através do telefone 0721/354806-153 ou do e-mail b.cabrera@freude-waldorf.de

::Série de vídeos sobre a geração de 30 anos na Alemanha::

15/01/2011

Achei também na página da “Der Spiegel” uma série de vídeos que mostra vários alemães na faixa de 30 anos e mostra como eles são, o que pensam, o que os diferencia da vida dos pais, quais são seus medos com relação ao futuro.

Dentre os entrevistados, as mulheres entrevistadas sao bastante diversificadas e dão uma boa orientação quanto a como vive uma mulher jovem na Alemanha atual. Em geral, hoje em dia, elas querem ter sucesso na profissão e construir uma família, mas sentem-se divididas entre tantas responsabilidades, muitas vezes conflitantes. Os filhos acabam chegando bem mais tarde, muito depois dos 30, principalmente porque elas querem alcançar muito antes de se tornarem mães e porque nem toda cidade tem um apoio bom para as famílias, por exemplo com creches e escolas de período integral.

Os jovens vivem bem mais livres, sao mais abertos, aceitam melhor as mudanças e sabem que a vida nao será como a dos pais, que aprenderam uma profissão e ficaram nela, muitas vezes até na mesma empresa, até a aposentadoria. A vida globalizada de hoje exige muita capacidade de adaptação, flexibilidade para acompanhar as mudanças rasantes, nao só tecnológicas, e uma abertura para o futuro, que muitas vezes não vai ser tal como planejado.

::Noite de lua cheia::

11/03/2009

Meu corpo anda reclamando pra caramba e minhas costas estão “uma beleza“ de tanta dor, então resolvi ouvir essas reclamações e comecei a fazer ioga há 2 semanas. Pra mim pelo menos é super bom: não é só um monte de exercícios lentos para o corpo, me sinto especialmente bem quando a aula termina, em paz e no meu centro. Semana passada tentei também a terapia craniosacral, gostei e me ajudou muito também.

Hoje de volta pra casa me deparei com uma lua cheia e enorme no céu, vocês a notaram? Ela está maravilhosa! Voltei aos meus tempos de criança, quando eu pegava o ônibus depois da escola à tardinha, e achava que a lua me acompanhava durante todo o percurso de volta pra casa…

Mas o momento de plenitude durou pouco, pois voltei a ouvir no rádio o assunto principal de hoje: de que no estado onde moro aqui na Alemanha (Baden-Württemberg), numa cidadezinha perto de Stuttgart, um jovem de 17 anos matou 15 pessoas e depois de ter sido atingido por um policial em sua perna, se matou. Fico me perguntando de que tamanho deve ser o vazio, o ódio e o egoísmo de alguém que pensa ter direito de decidir sobre a vida de outra pessoa. E como o acontecido desta vez é tão pertinho daqui de casa, pensei naquele mesmo momento nos meus filhos. Sinto muitíssimo pelo sofrimento dos familiares dos jovens, professores e pedestres cruelmente mortos no dia de hoje. Se fosse comigo, a vida teria perdido o sentido.


%d blogueiros gostam disto: