Anúncios

Posts Tagged ‘pensamentos’

::Pensamentos de fim de ano::

24/12/2014

Eu tenho uma amigona, a Chris, que prefere bichos ao ser humano. Primeiro, quando a conheci, eu achava isso intrigante, mas com o passar do tempo vou chegando à conclusão que ela tem razão.

Primeiro, porque somos bichos muito complexos. Já nascemos complexos, trazendo uma bagagem não sabe-se de onde, acumulando sabedoria, chatices e manias ao longo da vida… Mais cedo ou mais tarde, descobrimos que somos uma ilha. Percebemos que não conseguimos nos explicar para o mundo lá fora. Decepcionamo-nos ao nos perceber aquilo que somos, imperfeitos. Temos grande dificuldade de achar outros loucos que nos entendam. E padecemos na nossa solidão diária, mesmo que tenhamos muitos contatos ao longo de um dia-a-dia todo atarefado, todo atribulado, todo louco e estressante.

Segundo, porque temos uma mania imensa de achar que o mundo roda em volta do nosso umbigo. Meu filho de 9 anos, que é doido por astronomia, estava outro dia vendo uma reportagem sobre o buraco negro e eu perguntei onde é que o tal do buraco negro ficava. Ele, seguro de si, me disse que ficava no centro. No centro de onde, quis saber eu, no centro fica o sol, afirmei. Ele veio com um dos seus livros sobre astronomia e me mostrou nosso sistema solar como um ínfimo ponto no meio da galáxia onde estamos inseridos, entre tantas outras no universo, e no meio dela, claro, o buraco negro. Preciso de pensar nesta figura toda vez que correr o risco de me ensimesmar demais.

Terceiro, porque nós, seres humanos, somos verdaeiros idiotas, uns egoístas de marca maior, seguros de nós e de nossas verdades. Qualquer passarinho é mais inteligente do que nós. Eles voam para onde bem entendem, para onde está quente, para onde acham comida. Nós, seres altamente inteligentes, decidimos colocar linhas imaginárias nas terras e dividir a raça humana em grupinhos, discutindo qual é melhor, porque grupo A não combina com B, porque o povo do grupo A incomoda o B, e por aí vai. Somos verdadeiros idiotas. Habitamos um planeta onde, HOJE, seria possível viver em paz, com comida para todos, com oportunidades para todos, com a possibilidade de todos sermos felizes numa verdadeira aldeia global. Se não fosse, ah, se não fosse… a raça humana que divide, segrega, julga, tudo sob o ponto de vista de cada um. E quando está tudo analisado, recomeça a análise, num interminável processo de separação. Somos ilhas no universo.

Mas hoje é Natal. Tempo de confraternização, de amor ao próximo, de agradecimento. Lembramos do tsunami de 10 ANOS atrás (estamos mesmo ficando velhos!) e realizamos que, em um segundo, toda a nossa vida, tudo aquilo que temos e somos, pode sumir do mapa. Pedimos um pouco mais de humildade, para nós mesmos, para nossos semelhantes. E queremos lembrar de fazer de todo dia em 2015 um dia de Natal.

::Zeit Wert Geben / Dar Valor ao Tempo::

23/02/2014

Tem empresas que fazem parte da vida da gente. Gostamos dos seus valores, de seus produtos, nos sentimos bem quando visitamos uma de suas lojas. Assim é com a drogaria DM aqui na Alemanha. No meu caso ainda tenho a adicionar que leio com freqüência as revistas grátis da empresa e me identifico muito com o estilo gerencial de seu dono. Tiro o chapéu pra ele! Depois que a cadeia Schlecker faliu, a DM ganhou ainda mais clientes, porque merece e faz bem feito. A DM está comemorando 40 anos e lançou um livro lindo chamado Zeit Wert Geben, que comprei imediatamente e que indico. Algumas partes do livro inspiracional, com 40 pensamentos, aqui. Aqui a página na internet do projeto, também com um vídeo, que recomendo 100%! 🙂

::Frases da Mineirinha::

27/06/2011

Longe de querer me comparar ao Grande Poeta, mas antes disso inspirada por ele, eis aqui algumas linhas de pensamento minhas:

Todo ser humano é uma ilha em si próprio, geralmente ensimesmado, imaginando que as outras ilhas não estão necessariamente tomadas de água por todos os lados.

***

Algo que li e me marcou: o muro da minha casa pode cair, mas a sabedoria nunca perderá seu valor.

***

O prazer de um livro, uma música, sinapse da vida embutida numa cápsula, é também o prazer de poder pegar, abrir, ler sobre o autor, acompanhar as letras, ler os agradecimentos do cantor… Amo a era do iPhone e do Kindle, mas livro e música, só os de verdade!

***

Seres humanos de hoje: muito enclausurados, muito eles mesmos, muito diferentes, isolados, divergentes, específicos, gostos diversos. Daí vem a mágica da internet, que nos permite encontrar a “manada”, nos juntar a outros, nos fazer sentir pertencentes de algo.

***

Uma vez eu disse que os grandes centros comerciais alemães são como igrejas. Final de semana passado li que as marcas têm, por sua vez, a função de substituir religiões, o que veio a confirmar minha impressão inicial.

***

Se o mundo de um ser humano já é complexo, imagine-se a complexidade da educação de uma criança bi-nacional, fruto de duas culturas, dois modos de pensar, duas perspectivas, dois modos de amar…

***

Como diz um colega meu de trabalho, mulher é bicho esquisito que compra sapato em um ano e no outro se admira por ter um sapato bonito do qual já nem lembrava possuir… Se não fossem as mulheres, a economia de um país poderia quebrar!…

***

A suave linha entre perder a paciência com alguém ou simplesmente tomar a decisão de praticar o amor ao próximo, infindável e sem querer nada em troca, é extremamente tênue.

***

Há 20 anos atrás brincava dizendo que no futuro as pessoas se conheceriam trocando um disquete de computador contendo informações sobre sua pessoa, com o fim de acelerar a amizade e por pura preguiça mesmo de começar tudo sempre do zero. Quanto ao computador, eu acertei. Mas errei pelo fato de que as pessoas se encontram hoje em dia frequentemente só na superfície.

***

Horrorizou-me a informação de uma pessoa daqui, dizendo não querer conhecer mais ninguém porque seus amigos lhe são mais do que suficientes e não há espaço em sua vida para novas amizades. E desde quando amizade deveria ser limitada?!?

***

A falta de tempo para o encontro, vidas paralelas, a rapidez sem fim do mundo globalizado. O Michael Jackson já morreu há 2 anos e pra mim isso tinha acontecido no ano passado…

***

O sistema de navegação (com voz masculina) era o que me faltava para me sentir o que sou: passarinho livre, voando e observando, cigana Sandra Rosa Madalena.

***

O meu sono geralmente é trapaceado no meio da madrugada pela vontade incontrolável de pensar, escrever e descobrir. Mas agora vou dormir. Boa noite! 😉

::Frases do Grande Poeta, Carlos Drummond de Andrade::

27/06/2011

“A amizade é um meio de nos isolarmos da humanidade cultivando algumas pessoas.”

***
“A minha vontade é forte, mas a minha disposição de obedecer-lhe é fraca.”

***
“Os homens distinguem-se pelo que fazem, as mulheres pelo que levam os homens a fazer.”

***
“Há duas épocas na vida, infância e velhice, em que a felicidade está numa caixa de bombons.”

***
“No adultério há pelo menos três pessoas que se enganam.”

***
“Como as plantas a amizade não deve ser muito nem pouco regada.”

***
“A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca e que, esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade.”

***
“Há vários motivos para não se amar uma pessoa e um só para amá-la.”

***
“Nossa dor não advém das coisas vividas, mas das coisas que foram sonhadas e não se cumpriram.”

Fonte: Pensador.Info

::Ainda pensativa::

10/04/2010

„Der beste Weg, die Zukunft vorauszusagen, ist, sie zu gestalten.”
Willy Brandt (1913-92), dt. Politiker (SPD), 1969-74 Bundeskanzler, 1971 Friedensnobelpreis

“A melhor maneira de prever o futuro é formá-lo”.
Willy Brandt (1913-92), político alemão (partido SPD), chanceler alemão 1969-74, Prêmio Nobel da Paz 1971
 
„Beachte immer, dass nichts bleibt, wie es ist und denke daran, dass die Natur immer wieder ihre Formen wechselt.”
Marc Aurel (121-180), s. 161 röm. Kaiser

“Preste atenção para o fato de que nada contina a ser como era antes e considere que a natureza sempre assume novas formas”.
Marco Aurélio (121-180), imperador romano
 
„Von den Chinesen können wir einiges lernen. Man hat mir gesagt, sie hätten ein und dasselbe Schriftzeichen (Wei ji) für die Krise und für die Chance.”
Richard von Weizsäcker (*1920), dt. Politiker (CDU), 1984-94 Bundespräsident

“Podemos aprender muito com os chineses. Disseram-me que eles têm uma só palavra (Wei ji) que significa ao mesmo tempo crise e oportunidade”.
Richard von Weizsäcker (nascido em 1920), político alemão (partido CDU), presidente da Alemanha de 1984-94

„Glück ist wie ein Maßanzug. Unglücklich sind meist die, die den Maßanzug eines anderen tragen möchten.”
Karl Böhm (1894-1981), östr. Dirigent

“A felicidade é como um terno feito sob medida. Infelizes são, na maioria das vezes, aqueles que querem vestir o terno de uma outra pessoa”.
Karl Böhm (1894-1981), maestro regente austríaco

„Das Glück besteht darin, zu leben wie alle Welt und doch wie kein anderer zu sein.”
Simone de Beauvoir (1908-86), frz. Schriftstellerin u. Philosophin

“A felicidade significa viver como qualquer um no mundo e ao mesmo tempo em ser incomparável a qualquer outro ser na Terra”.
Simone de Beauvoir (1908-86), escritora e filósofa francesa

„Glück ist ein Wunderding. Je mehr man gibt, desto mehr hat man.”
Germaine de Staël-Holstein (1766-1817), frz. Schriftstellerin schweizer. Herkunft

“A felicidade é uma coisa mágica. Quanto mais ela é dada, mas é recebida de volta”.
Germaine de Staël-Holstein (1766-1817), escritora francesa de origem suíça
 
„Wenn ein Drache steigen will, muss er gegen den Wind fliegen.”
Aus China

“Se um papagaio quer voar no céu, tem que voar contra o vento”.
Da China

::O que mudou para mim nos últimos 10 anos::

27/03/2009

Eu tinha ficado devendo aqui uma lista do que mudou para mim nos últimos 10 anos…

A minha ordem de prioridades: primeiro saúde/família e beeeeem depois trabalho/carreira.

Com isso também minha maneira de descrever o que é fazer carreira: é seguir minha vocação, tendo tempo para minha família, amigos e hobbies, sem vender minha alma para o diabo.

A minha maneira de analisar os homens : hoje em dia, eles só ganham pontos pelo caráter.

A minha admiração por minha mãe : depois de ter virado eu mesma mãe, passei a admirá-la imensamente mais e a ter um sentimento ainda muito maior de gratidão por ela.

Minha letra: antes da era da internet eu não conseguia datilografar talvez tão rápido e sem olhar para o teclado, mas em contrapartida eu tinha uma letra maravilhosa. Detalhe: tinha.

A minha ligação com a natureza e com tudo o que está ao meu redor: antes me julgava “utilizadora” dos meios ao meu redor, hoje em dia me vejo como parte deste meio, nem melhor, nem pior. Só parte.

Entre mim e Deus não há a necessidade de haver uma igreja ou instituição.

… e queria convidar você a descrever também o que mudou na sua maneira de interpretar a vida. Um exercício interno legal para mim foi pensar nos sentimentos e valores que NÃO mudaram, e isso também é muito bom. Com a palavra, você! 🙂

::Pensamentos & passeios::

03/08/2008

Eu tenho cadernos de pensamentos e diários desde que me entendo por gente. Quando era pequena juntava pensamentos dos colegas da classe, juntava figurinha do “Amar é”, mais tarde passei a juntar ditados. Cresci numa família onde se dizia pelo menos um ditado por dia. Acabo de ler um dos cadernos de pensamentos mais bonitos que tenho, tudo junto é como que quase uma catarse, como se eu estivesse fazendo sessão de análise comigo mesma. É bom e importante ler muito daquilo de novo e ver que algumas coisas eu já entendi, outras já tinha entendido e esqueci novamente. Preciso me reorientar, decidir novamente alguns novos/velhos rumos.

Este final de semana foi fantástico. Fizemos passeios, visitamos família e amigos, fomos a lugares bonitos. Fez um super bem pra alma. Vou guardar algumas destas imagens no coração pra sempre. Bom também foi reconhecer que o amigo do meu amigo é um amigo em potencial. E assim foi em dois casos. E isso foi muito bom! Estas férias prometem!


%d blogueiros gostam disto: