Posts Tagged ‘por que’

::De volta às origens & back to my origins::

26/04/2020

Ontem consegui finalmente redefinir ou sintetizar quem sou e o que ofereço: consultora de carreira / mentora de sonhos internacionais / escritora / poetisa. Sim, tenho muitos outros “eus”, mas este é o que pulsa mais forte dentro de mim e sempre pulsou, cidadã do mundo e conectadora de mundos que sempre fui. Estou em êxtase, conectada com minha essência!

°°
“Querid@,Encontre o que você ama e deixe que aquilo te mate. Deixe que isso saia de você como um todo. Deixe que isso tome conta de você, se grude nas suas costas e te pese até que você eventualmente desapareça. Deixe que isso lhe mate e que devore os seus restos mortais. Porque todas as coisas irão devorá-lo, algumas mais devagar e outras mais rápidas, mas é muito melhor ser morto por um amor.

Enganadamente seu, Henry Charles Bukowski”

Caso precise de mim, visite http://www.connexconsulting.de ou deixe um comentário!

°°
“My dear, find what you love and let it kill you. Let it drain you of your all. Let it cling onto your back and weigh you down into eventual nothingness. Let it kill you, and let it devour your remains.For all things will kill you, both slowly and fastly, but it’s much better to be killed by a lover.

Falsely yours, Henry Charles Bukowski”

In case you should need to connect, visit http://www.connexconsulting.de ou leave a comment!

::Por que saí do Brasil::

22/06/2015

Um resumo à queima roupa: eu saí do Brasil porque era meu sonho de longas datas viver uma experiência internacional, mas fiquei aqui porque me casei, consegui emprego e porque vi que teria mais condições de conseguir uma vida de qualidade, da maneira que eu interpretava essa qualidade, do outro lado do mundo. Vim pra ficar um ano e já tenho 22 na bagagem!

Na época tinha acabado duas universidades e lutava para conseguir um empreguinho no Brasil, enquanto os filhinhos de papai, que sentavam no fundo da sala, não tinham aprendido nada naqueles quatro anos e colavam tudo o que podiam nas provas, estavam conseguindo ótimos empregos, indicados por seus pais para belas posições. Hoje, apesar de eu sentir muuuuuita falta da família e dos amigos, eu prezo o ar puro, a liberdade de ir e vir, o contato com a natureza, além da bem menor desigualdade social e da boa qualidade de vida para grande parte da população.

No momento muitos textos estão circulando na internet sobre “porque deixei o Brasil” e “porque vou voltar ao Brasil”. Acho que a consciência coletiva está fervendo pois o momento atual brasileiro está bastante explosivo, os nervos estão à flor da pele.

Aqui um dos textos que li sobre o tema nos últimos dias, gentilmente repassado pelo leitor Wagner. Esse artigo dá muito a pensar. Opiniões? Críticas? Sugestões? Quem quiser deixar a dica de outros textos nesta linha, fique à vontade logo aqui abaixo nos comentários.


%d blogueiros gostam disto: