Posts Tagged ‘Santa Cruz Cabrália’

::”Causos” para rir e casos para refletir 2::

07/09/2014

Causos e casos 2Depois do sucesso do “Causos” para rir e casos para refletir e do livro de estréia, “Uma mulher à frente de seu tempo”, minha tia Aracy e minha mãe Eny lançaram o livro “Causos” para rir e casos para refletir, agora no volume 2.

Apaixonada por leitura, minha tia Aracy, que acabo de visitar em Santa Cruz Cabrália onde atualmente reside, sempre sonhou em ser escritora. Quando minha avó estava acometida pelo mal de Alzheimer, minha tia foi incumbida pela família de registrar suas memórias, o que acabou se tornando seu primeiro livro, intitulado “Uma mulher à frente de seu tempo”, cuja primeira edição já se esgotou.

Esse seu primeiro livro foi bastante elogiado pelos leitores e foi aí que ela descobriu sua verdadeira vocação de contadora de histórias que fazem rir quando divertem e refletir quando deixam ensinamentos passados entre a família e amigos, e desde que se tornou escritora, para um público maior, seus leitores. Este já é o terceiro livro da autora, segundo da série “Causos” e Casos, desde então em parceria com minha mãe Eny.

Como diz minha prima Lílian no prefácio do livro, a tia Aracy e minha mãe não gostam de cozinhar, mas produzem Pratos muito suculentos para o paladar literário! Há textos que dão água na boca… Você leitor pode se inspirar não só na história delas, como também nos diversos, divertidos, hilariantes e interessantes contos.

Um livro como as autoras: alto astral, versátil, interessante, inteligente, cheio de histórias reais ou não, porém sempre divertidas ou com final feliz. É um livro capaz de despertar o bom humor, amenizar as distâncias, rechear o tempo, agregar valor às esperas… Aguça a curiosidade dos leitores, dirime dúvidas e traz certezas quanto à fé e o pensamento positivo.

Inspire-se! Quando nossos sonhos estão relacionados com o bem que podemos fazer a outras pessoas, a realização deles é muito mais saborosa! Não há caminho para o crescimento pessoal que não passe pela educação, pela leitura e pelo estudo. Este é o grande sonho que move as escritoras da série “Causos” e Casos, que está caminhando para os volumes 3 e 4.

::Ensinamento do dia::

05/09/2014

Estou no momento em um dos paraísos na Terra: na praia de Mutá, em Santa Cruz Cabrália. Aqui tem uma baía natural que faz com que a praia fique em forma de “U”, com ondas suaves, águas verde-azuladas e uma areia branca e fina. Em quase toda praia que vou no mundo, levo dela algumas conchas. No momento estou com um projeto de montar um jardim zen em cima da minha mesa de trabalho, com as conchas colhidas nesta viagem.

Vi uma concha bem grande na areia, do alto ela parecia inteira, e pensei que aquela poderia ser perfeita pra participar do meu jardim. Abaixei pra colher a concha escolhida daqui deste paraíso e ao tê-la em mãos, vi que ela não era perfeita. Já ia jogá-la fora quando pensei que não deveria fazer isso. Pensei cá comigo: por que temos mania de querer que tudo seja perfeito? Por que queremos ser rodeados de pessoas perfeitas, por que não temos paciência com os defeitos e peculiaridades de cada pessoa, enquanto de perfeitos não temos nada? A natureza nos dá uma lição tendo tudo fora de ordem e disforme, mas ao mesmo tempo perfeitamente uniforme e harmônico. Desisti de jogar a concha fora. Ela é grande, bege, tem uns enrugadinhos na superfície e uns quebradinhos nos cantos. No meu jardim zen, ela vai ocupar um lugar de destaque e vai me lembrar deste ensinamento do dia.


%d blogueiros gostam disto: